Eu sou o Igor Moreno e é assim que eu jogo!

Igor Moreno é um canivete suíço: ele tem um programa na web, desenvolveu o Space Dragon, tem a editora Flying Ape, recentemente lançou o financiamento coletivo bem sucedido do jogão Chopstick, escreve coisa pra caramba, já teve produto recomendado no DM’s Guild.

Enfim, o Igor faz de tudo um pouco, e, na estreia dessa coluna nova no Redblog, vamos descobrir como ele consegue fazer tudo isso.

*  *  *

Cidade em que mora: Cabo Frio, RJ
Campanha atual: Curse of Strahd (Ravenloft)
Descreva seu estilo de jogar em uma palavra: “Morreu.”

Que apps, programas ou coisas que você não consegue jogar sem? Não consigo jogar sem pelo menos dois leitores de PDF diferentes para ler minhas preparações e sem minha playlist de trilha sonora no YouTube.

O que tem na sua mochila de RPG? Bolsa de dados, castelo de brinquedo que serve de escudo do mestre, lápis, borracha, post-its e uma cópia do Fiend Folio. Não saio de casa sem essa última.

O que você faz na mesa de jogo que ninguém consegue fazer melhor? Qual o segredo? Acho que improvisar regras para as ações malucas que os jogadores com certeza tentarão uma hora ou outra. Raramente demoro mais do que 17 segundos pra imaginar uma forma de fazer aquilo. O segredo é não ter medo de errar, experimentar mesmo. Com o tempo fica claro que o importante numa mesa de RPG é a diversão e a continuação da trama acima de tudo.

O que você tem lido atualmente? Tenho lido bastante ficção científica (Série Caliban, Guerra do Velho, The Early Asimov) e meus diversos livros de não-ficção sobre vampiros.